Browsing "Poemas"
nov 27, 2009 - Poemas    No Comments

A vida é um poema

A vida é um poema
Por Leda Saraiva Soares
Publicado em Poesia na Praça. XX Antologia Poética Patrulhense. Porto Alegre: Est, 2009, p.186.

A vida é um poema
De ilusão, de sofrer,
De amor ou desamor…
Alguns são registrados
Em livros simples.

Outros, com grande esplendor…
Não importa a edição.
Muitos, talvez, os mais belos
São apenas vividos,
Lidos nos gestos de amor,
De ternura, de respeito,
De bondade…
É bom ler vidas…
É bom ler poemas…

nov 23, 2009 - Poemas    No Comments

Alma em transe

Alma em transe

Por Mário Feijó
 
Minh’alma está chocada
 – em transe –
Diante das coisas
Que acontecem no mundo…
 
Ela tem a pureza dos anjos
Não entende a malícia dos homens
Não aceita tantos vícios, drogas
Não compreende tantos crimes…
 
Disse-me ela outra hora
Que qualquer dia me abandona, vai embora
Reciclar-se no paraíso
Este planeta está difícil de entender…
 
O que faço com esta jovem rebelde
Alma em transe – em trânsito neste mundo
Tornei-me seu refém – anjo rebelde –
Pobre anjo vagabundo… Pobre de mim…
 

nov 16, 2009 - Poemas    1 Comment

Eu queria tanto…

Por Rosalva Rocha
Sto. Antônio da Patrulha, 29.01.2009
 
Eu queria tanto que você parasse
Que me abraçasse
Que me olhasse
E me entendesse
 
Eu queria tanto te ver
Aberto
Liberto
Das amarras com que te criaste
 
Eu queria tanto te ver por inteiro
Teu cheiro
Teu medo
Teu sossego
 
Para poder dizer
Que eu só quero te ver
Olhando prá frente
Pensando alto
Sem sobressalto
 
Teu medo me paralisa
Tuas ofensas me acabam
Tua passividade com a vida me agride
Tua ausência de horizontes
Me deixa triste
 
Triste por não conseguir
Amar contigo
Chegar em ti
Chorar por ti
 
Posicione-se
Vá em frente
Arrisque-se
Saibas que eu estou voando
Quem sabe flanando
Sonhando muitas coisas
Num mundo diferente
Prá frente
E de repente podes estar me perdendo

 

nov 15, 2009 - Poemas    No Comments

Natal e Ano Novo

Por Evanise G. Bossle

Natal

Escrevi um poema
sobre o fim do ano…
São mensagens de Natal,
votos para um ano bom.
São palavras ao vento
sem destino final.
São desejos de sucesso.
São soluços  reprimidos.
São destinos transformados.
É a festa do Ano.
É a festa do Menino Sagrado.

Ano Novo

Quem pensou que demorava
esse ano que passava ?
De repente ele passou.
Novamente estou pensando
no presente e nos presentes,
no futuro que chegou.

 

nov 15, 2009 - Poemas    No Comments

Pedras e flores

Por Mário Feijó,
Capão da Canoa, 14.11.09

Não havia flores na minha rua
Minha estrada era deserta
E eu sentia um frio em minh’alma
Toda vez que tomava consciência de mim…

Acho que não me perdi
Nas estradas da vida
Porque eu tinha plena consciência
Do que queria pra mim…

Como não encontrei amores
Eu distribuía o meu
E digo que em muitas horas
Não sobrava amor nem pra mim…

E eu seguia mundo afora
Plantava sementes
Pelos lugares mais inóspitos e desérticos
Agora descobri que muitas estão brotando…

E quando as sementes brotam
A gente percebe que a esperança não morreu
Que tudo pode se transformar
E que novos frutos irão nascer…

Quando há bons sentimentos
As flores nascem até entre as pedras
Elas não exigem muito
E o amor é ótimo para fazê-las brotar…

nov 14, 2009 - Poemas    No Comments

A jornada

Por Suely Braga
Osório, 30.11.2008

Se encontrares
uma pedra no teu caminho
rola-a para longe.

Se não puderes sozinho,
pede a ajuda a alguém
Não deixa que nada,
interrompa tua caminhada.
Realiza teus planos.

Concretiza teus sonhos.

Persegue teus objetivos.

Olha em volta
as maravilhas da natureza.
Que beleza!

As estrelas no céu te guiam
O sol radiante
ilumina teus passos.

Com Fé e Esperança
prossegues tua jornada.

Páginas:«1...1314151617181920